sexta-feira, 22 de abril de 2016

A Irmandade de Copra - Caroline Defanti

Resenha por: Vitória Bueno
Nota: 9/10
Livro: A Irmandade de Copra
Autora: Caroline Defanti
Número de páginas: 432
Editora: Arwen




Sinopse: Em um futuro longínquo, a quase extinção  do ser humano fez com que os poucos que restaram lutassem pela sobrevivência em colônias extraterrestres. Entretanto, alienígenas se apossam da Terra e a curam, mas os homens desejam ter seu planeta e vidas de volta.
Mas os seres não parecem dispostos a abrir mão de seu novo lar. Por isso, os homens criam novos soldados, uma raça nova capaz de combater essas criaturas e recuperar o planeta.
Assim nasce a Irmandade de Copra.

Resenha: O livro começa em um laboratório de cirurgias, onde cientistas inserem DNA de alienígenas em seres humanos, transformando-os assim em super soldados.
Quando se mistura DNA de alienígenas em humanos, estes, tendem a mudar de forma ou ganhar dons.
Estas pessoas, com os DNA's alterados, se tornam membros da Irmandade de Copra se passarem em todos os testes.

Bem, no livro, o mundo meio que acabou, e os sobreviventes foram mandado para colônias, fora do planeta Terra. Existem duas colônias, uma na Lua e outra em Marte.
Os alienígenas tomaram a Terra e estão a "concertando" dos estragos deixados pelos humanos.
Os integrantes da Irmandade, vão para a Terra de tempos em tempos, para cumprirem missões com o proposito de estudar os seus novos habitantes e reaver seu mundo de volta.
Em uma de suas missões na terra, Musa, uma das integrantes da Irmandade, se vê em grande perigo e vai parar nas mãos de um dos alienígenas. Após tempos convivendo entre as criaturas, ela os conhece melhor e repensa os motivos que os levaram a tanta guerra.

Uma das personagens mais intrigantes do livro é sem dúvida Musa, que decidiu entrar para Irmandade após perder seu irmão, e sua única família, que morreu em uma das missões na Terra. A história gira mais em torno dela.
Mas no geral, todos os personagens são muito bem descritos. A maioria deles são membros da Irmandade, e cada um têm sua Dádiva que os torna únicos.
Alguns deles são muito engraçados, enquanto outros são bem intrigantes.
Há alguns personagens alienígenas no livro também, e assim, você conhece mais a história e a cultura deles.

Amei o livro. Só não gostei do fato de ele não ser dividido por capítulos bem definidos como a maioria dos livros, pois isso me cansou um pouco (sou dessas que sentem a necessidade de ler um capítulo todo para depois pausar a leitura). Mas fora isso, o livro é maravilhoso, muito inteligente e original. Parabéns pelo livro Caroline!!!