segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Jogos Vorazes - A trilogia

Resenha por: Vitória Bueno
Nota: 10,0 - 10,0
Livros: Jogos Vorazes, Em Chamas e A Esperança
Autora: Suzanne Collins
Número de páginas: 1240
Editora: Rocco






Bom, eu acho que nem preciso postar uma sinopse dessa história. Todos já devem conhecer essa trilogia. Mas algumas pessoas ainda tem receio de ler. Talvez por já terem assistido os filmes ou por ter recebido enxurradas de spoilers. Mas eu preciso falar sobre esses eles. E preciso tentar fazer essas pessoas mudarem de ideia, rsrs.
É provavelmente uma das melhores séries que já li. O modo como os personagens se desenvolvem no decorrer dos livros é impressionante. Sem falar no contexto em si. Essa é uma história sobre guerra, revolução, amor e esperança. O mais incrível é que essa estória é muito crível. Acho mesmo que se nosso mundo entrasse em uma guerra, talvez acabássemos em uma distopia parecida com a inventada por Suzanne Collins. Um mundo para poucos. Movido pela política. É um assunto que ouvimos falar o tempo todo no final das contas, não é mesmo?
Por falar na autora, ela escreve muito bem. A estória flui muito bem. Quando o leitor percebe, o livro já acabou.
E se você já assistiu os filmes, quero que saiba que eles ficaram bem fiéis aos livros. Mas não pense que não vale a pena ler, porque eu também já tinha assistido a todos os filmes quando comecei a devorar a trilogia mas não atrapalhou em nada para mim. Pelo contrário, fez com que eu gostasse ainda mais dessa ficção.
Vale super a pena dar uma conferida. Com certeza é uma das melhores distopias que já tive o prazer de ler.


Sinopse: Mistura de ficção científica com reality show, passado pela mitologia e pela filosofia, com muita ação e aventura, Jogos Vorazes é um fenômeno na literatura jovem. Com um mote surpreendente, o livro ganhou elogios de Rick Riordan, Stephenie Meyer e outros formadores de opinião e rendeu à autora Suzanne Collins lugar na badalada lista de 100 personalidades mais influentes do ano da revista Time. Ambientado num futuro sombrio, Jogos Vorazes é pioneiro de uma tendencia que vem ganhando força no mercado de Best Sellers juvenis: a dos romances distópicos e pós apocalípticos.